sexta-feira, 8 de janeiro de 2010

Acrianos de segunda categoria

Bastou o presidente da Assembléia Legislativa,deputado Edvaldo Magalhães,voltar a carga ,com a possibilidade de uma ligação da região do Juruá com o Peru através de uma estrada,que pipocaram várias críticas em alguns  blogs da capital.Claro que algumas destas críticas podem ter seus fundamentos,baseados principalmente, no principio brasileiro de que promessas são feitas para serem descumpridas.E se o pagador for um político ,a desconfiança só tende a aumentar.Porém,a comparação com a realidade para por aí.

Vários foram os argumentos em contrários,principalmente o já manjado discurso ambiental.Parece que a estrada será construída por demônios sem coração para que algozes filhos de satanás transitem nela e destruam tudo de bom que Deus colocou entre a cidade de Pucallpa e a nossa Cruzeiro do Sul. E o tomate-substantivo masculino, deixou de ser a necessidade alimentar do cruzereirense para virar alvo de chacota daqueles que chamam o fruto do tomateiro de A tomate.

Outros críticos seguiram a linha de que essa estrada não passa de uma jogada política para a auto promoção de alguns.E isso é novidade na terra descoberta por Cabral ? Qual é mesmo ou qual foi o político de sucesso neste país que  não preferiu o método da espalhafatosa galinha, em detrimento do método da quieta pata para anunciar seus ovos ?Outros preferiram culpar o asfalto pelo crescimento do tráfico de droga e da violência  urbana.
O que está nas entrelinhas

O que temos que perceber ,bravos do Juruá, é o que está por trás dos argumentos desses verdadeiros profetas do apocalipse.Estão se lixando para  a questão ambiental,do controle sobre ilícitos,violência ou ética política. Querem mesmo é que continuemos como acrianos de segunda categoria,humilhados perante a exuberância da capital.Por conta do isolamento cruel ,estamos encalhados nas curvas de nossos sinuosos rios, enquanto o vale do Acre tem alcançado um desenvolvimento nunca visto na história do estado ,impulsionado pelas retas das rodovias pavimentadas.

Ciumeira política ciumeira

Além dos falsos ambientais,tem o ciúme político. O que fica exposto nas entrelinhas é uma tentativa clara de oposição de alguns setores da F.P.A a uma suposta candidatura de Magalhães ao senado.O sucesso da galinha parece está incomodando algumas patas .Alguém tem dúvida para quem aquele pichador de Rio Branco trabalha ? Eu não ! Mas, e se ele for realmente um ativista ambiental preocupado com as formigas e os inocentes  indígenas do século 21 , que se guiam por aparelhos de GPS ?

Com certeza deveria está fora do estado ou ainda nem teria nascido quando foi decidido a ligação via Assis Brasil.É ou não uma piada pronta ? Pior que isso só mesmo afirmando que a estrada vai fazer crescer o tráfico de armas e drogas, ou seja a culpa é do asfalto.Como sou ignorante !! Pensava eu ,até o momento, que os motivos seriam a falta da aplicação das leis e das políticas públicas para a questão,além é claro da nossa famosa,mas negada - mesmo sob tortura ,queda pela corrupção.



Ocorreu um erro neste gadget

Arquivo do blog