sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

A EMPATIA

smiley raiva nervoso

Há tempos que estava de olho nela. Uma fêmea de encher os olhos, a alma, a cama. Pura sedução que me fez vencer os meus maiores medos e timidez. Eu estava sim , pronto a me sacrificar por esse amor. Aliviado porque  diferente das " minas" de outras espécie que devoram seus parceiros, aquela no máximo me mataria de tanta luxúria.

Como um macho galanteador e nem um pouco apressado, cochichei em seu secreto ouvido o soneto da fidelidade. A leve fricção de minhas pernas deram o tom suave do acompanhamento. Em resposta, ela estremeceu e me olhou bem pertinho. Ah , aqueles olhos cinzas ! Brilhantes , redondos e grande olhos cinzas. Estávamos atenados pela doce paixão.

Não sendo eu,  o Cachorro Vadio e nem ela a Onça Pintada do Olhar Agateado daquela canção, não poderíamos nos amar na praça, assim,  como dois animais. Resolvi então convidá-la ao meu lugarzinho secreto, o paraíso onde se vive à vontade ou então vive-se  perdido. De lá saímos voando, apressados rumo ao nosso destino. Só os seus olhos me prendiam a atenção. Nem nuvens, nem sol, nem céu, nem inimigos, nem calor, nem frio. Paisagem nem tinha.

Depois de quilômetros ,enfim nosso ninho secreto , em um sítio à beira do Chaparral. Eis um lugar ideal para nossa troca de fluídos corpóreo. E começamos a nos amar ali mesmo na escada . Não sei porque mas sou chegado a uma escada. Um desvio comportamental  ? Talvez sim. Ou talvez seja minha mimese, assim desaforada a evoluir-se.  Herdaremos a Terra !

Ela, claro, lânguida,  inebriada pelo meu cheiro de macho, se entregou a volúpia. Perfeita fêmea no cio. Meus dedos, alisando aquela derme quitinosa, suavemente áspera e sensual. Sentia cada parte do seu rígido  corpo e seu abraços articulados. Ela  é realmente um perfeito exemplar entre tantas mil. Sou eu o sortudo dos Orthopteras ! Meu corpo sobre o dela,  em leves,  mais firme e constantes movimentos. Meu vigoroso abdômen em contato com seu largo e macio dorso. E ela ali,  pura, selvagem e incontrolável  a soltar sussurros e abafados gemidos.  Outra hora acavalada : uhuuuu !!!

Porém, antes que sentíssemos mil demônios a sacolejar nossos corpos,  no máximo, no ápice da possibilidade da explosão dos sentidos que nos permitiria a perpetuação dos genes, ouvimos um barulho irritante vindo da nossa esquerda. A princípio não acreditamos em tão impertinente quebra da intimidade alheia. Quem se atreveria ? Pensei.

Eis que surge a figura de um ser inferior na escala da evolução das espécies, portando um aparelhinho fabricado pela débil e atrasada tecnologia deles. Era um humano a nos espiar naquela posição ridícula que eles têm de caminhar sobre duas patas, quer dizer pernas, pois bicho não tem patas. Tenho asco pelos mamíferos em geral. Como Deus fez animais com esqueletos por dentro , com a pele assim sem proteção nenhuma  ? Que esquisito !

A minha primeira vontade foi de exterminar com aquele intruso esmagando-o  com o raio Z de  minhas antenas , porém ela, defensora do meio ambiente que é,  fez-me mudar de idéia. Para ela todos merecem viver pois cada espécie é importante no ecossistema, mesmo os mais insignificantes, como o homem. Além disso, quando esmagado ele solta um líquido viscoso  e vermelho que mancha qualquer chão.

Na verdade,  raiva mesmo eu tenho dos nossos primeiros  ancestrais que assinaram um tratado de paz, que não permite que nós exterminemos os humanos desse planeta através de nossas armas  naturais e de nosso numeroso exército dividido em 800 mil espécie .Uma hora ou outra nossa paciência acaba e não há eco-chatos que nos segurem..

Acabou o tesão, meu domingo está perdido, estou entristecido e sem vontade de beber. O jeito é descansar meu exoesqueleto, afinal a noite está chegando e os humanos costumam emitir sons irritantes e intermitentes durante boa parte do período noturno que atrapalha o sono de qualquer um. Amanhã é segunda feira e não quero chegar ao trabalho, assim,  grilhado. Mas, será que ainda há tempo ? Vem cá minha grilhinha....

                                A foto que gerou toda esse revolta é do Web design   Adson Dutra,  que não hesita em usar sua câmera indiscreta para flagrar grilo encangado. Muito cuidado conosco bicho grilo !!!!

5 comentários:

  1. Que show de texto! Só algo mesmo muito insignificante para gerar num prosista como tu essa tremenda verborréia de primeira.Vale o dito "cantiga de grilo" Vou começar a publicar uns impublicáveis também!

    ResponderExcluir
  2. Boa tarde, sr Nolasco
    Esses textos criativos continuam ótimos. Parabéns, tenho orgulho de um dia ter sido sua amiga, aquela mesma que vc esqueceu quando foi para Cruzeiro do Sul, ingrato. Ps: Agora estou no Rio Grande do Sul, mas com uma saudade enorme do Acre. Beijos, vc é show !


    Maria Adriana (fiquei com preguiça de entrar com senha e vai assim de anônimo mesmo só para magoar sua úlcera, rsrsrs)

    ResponderExcluir
  3. Meu amigo,
    continuo sempre visitando teu blog, embora nem sempre, por falta de tempo, consigo ler todos os teus textos!

    Um bom trabalho e abraços!

    ResponderExcluir
  4. Só tu mesmo, Jairo "Lobato"... hahahah
    Texto show de bola!

    ResponderExcluir
  5. Ah, Nolasco vai-te a pôrra, velho !! O mundo pegando fogo no oriente e vc nos presenteando com tamanho texto humorístico. Só assim mesmo para gente esquecer os " grilos" desse mundo moderno.Um abraço.

    ResponderExcluir

Ocorreu um erro neste gadget

Arquivo do blog