terça-feira, 2 de novembro de 2010

Tucanocanalhadas e o fim do começo

Sabem aquela piada do time que saiu para o intervalo perdendo de 4 x 0 e no final da partida o técnico comemora a melhora do time em 50 % no segundo tempo, já que " só " tomou mais 2 gols ? Pois é . Esse técnico pensa como os intelectuais tucanocalhordas. Estão comemorando que apesar do presidente Lula ter mais 80 % de aprovação, sua candidata " só " conseguiu 55 % dos votos válidos.É ou não uma patuscada ?

E esses que se auto denominam " o Brasil que pensa " não aceitam de forma alguma o resultado das urnas. " _ Ai , que ódio dos pobres e desinformados !" .Destilam assim todo o preconceito, hipocrisia e cretinices que lhes são peculiar:
" _ O Brasil viverá os quatros anos mais medíocres de sua história republicana" .Como sempre estão equivocados. " O Brasil que pensa " já está vivendo na mediocridade há anos !

Como em toda democracia que se preze a alternância de poder é um fato comemorável, desde seja feita pelos os eleitores no voto direto e não pelo simples desejo da oposição e de seus intelectuais e jornalistas pedantes, leia-se excrementos. Até lá, torço muito que uma terceira via política tenha ganhado força o suficiente para assumir o poder, para que essa corja não volte a comandar o país.O mesmo vale para o Acre.

E o que vem por aí ? golpes e mais golpes. As palavras do discurso perdedor do Tucano Serra ainda reverbera: "Não acabou !"  Podem ter certeza de que o ridículo estava se referindo às baixarias e ao sectarismo. Não haverá oposição e sim patrulhamento a qualquer custo.Vejam como são hipócritas: Na campanha Serra só falava " em favor do Brasil " e agora erguerá fortaleza e cavará trincheira. E quando falou de " forças terríveis " será que se referia ao atentado da bolinha de papel ?

O que transparece é que esse pessoal está pouco preocupado com o destino do país.O que lhes interessa de fato é provar que suas teses terrorístas estavam corretas. Desejam a desgraça total para que depois venham posar de superiores intelectuais do naipe: Nós avisamos, nós falamos.Dividir o país entre aqueles que " conhecem a verdade" e povo do obscurantismo é a meta principal dessa laia.

" _Os nojentos decidiram essa eleição " dizem em suas rodas. O interessante é que esses mesmos ignorantes, obscuros e cegos só surgiram no país após  a eleição de 2002. Até aquele momento o povo sabia perfeitamente o que queria.Os meios de comunicação  só falavam a verdade.A presidência da república era um poço de virtudes. Conseguia-se a maioria no congresso e no senado, somente através da sensibilidade da palavra. Troca de favores ? Isto surgiu depois de 2002. Mensalão para aprovação da reeleição ? Nem pensar ! foi aprovado porque os legisladores estavam pensando no bem do país !!

E o Acre então ? Até poucos dias antes da eleição do primeiro turno o eleitor acreano era formado em sua maioria por analfabetos, ignorantes, presas fáceis do facismo Vianista e por isso mesmo não tinha jeito. " _ Vou me embora do Acre !" Bradava um janotinha neo-liberal-parnasiano. De repente não mais que de repente, o acreano "acordou". Viraram doutores e heróis da resistência.Onde o povo não acordou ,foi culpa da chuva. E agora com vitória do Serra ? " O Brasil começa aqui , 2014 vem aí ! " Pelo jeito o rufião não vai mais embora do estado mais rídiculo do país.  como ele adorava falar. Agora o Acre existe e não foi trocado por um cavalo ...A hipocrisia é tão linda !!!

 




Ocorreu um erro neste gadget

Arquivo do blog