quinta-feira, 23 de fevereiro de 2012

TUCANOS CONTRA MACACOS OU REINALDO AZEVEDO FAZ PARTE DA FÁBULA TAMBÉM

AC24HORAS AMA REINALDO E VICE-VERSA





Afinal o que os tucanos têm contra os macacos ?

Na vida animal nada. Na podre vida política parece que tudo.

Dias desses o pretérito futuro prefeito de Rio Branco e Governador do Acre, Tião Bocalon( PSDB), declarou que preferia deixar morrer os macacos a não salvar as crianças. Ambos, na iluminada mente 'progressista',  disputam a mesma pílula da vida.

Agora leio o inspirado colunista Reinaldo Azevedo 'de Veja'  dizer "que a diferença entre um ptralha e um macaco está apenas na inabilidade de um deles para subir em árvores". Na verdade ele não disse, escreveu, o que só prova sua superioridade na escala evolutiva.

No mesmo texto, Azevedo cita o verbo “raciossimear que segundo ele ”deriva do substantivo “raciossímio”, que consiste em pensar com o apuro e a delicadeza de um macaco — progressista é lógico "

Azevedo é muito bem remunerado, formador de opinião, estudou em boas escolas mas não aprendeu que existem diferenças entre símios e macacos. Eu aprendi no ensino médio de uma escola pública do paupérrimo e atrasado  Estado do Acre _ território que segundo "Eles" foi trocado por um cavalo : um deles, o macaco, tem rabo,o outro não. Um tem certo parentesco com os humanos, outro nem tanto. Por isso eu não sou ninguém e Reinaldo Azevedo é qualquer coisa de divina, um degrau a mais na escala evolutiva.

Mas ele diz entender de macacos e ptralhas. Ptralha é um troço de quem nunca ouvi falar na escola, jamais poderia eu comparar ptralha com macacos. Mas sei que ptralhas é algo que Reinaldo odeia, se comparou aos macacos é porque também não os suporta.

Em tempo: Ptralha deve ser um desses neologismo que só intelectuais como Azevedo compreendem e vários imbecis agregados da inteligência pós-diluviana repetem sem entender o porquê. 

Sim e toda esta comparação para denunciar a "truculência do Tião Viana, do PT" _ que eu pensava ser acima de tudo governador do Acre _ contra manifestantes que fecharam a quarta ponte de Rio Branco.

Não vou discutir a veracidade do caso ou culpa de ninguém, mas se este fosse um mundo decente no mínimo Reinaldo escreveria " Tião está aprendendo rápido com os meus patrões do PSDB de SP como descer a lenha no couro da cambada ".

Mas como ele mesmo já disse, defende "caninamente" uma posição e pronto, o que prova que nem símio ele pode ser já que tem rabo, mesmo que preso.

E melhor parar por aqui. Está parecendo jogo do bicho ou fábulas.


Porém : O que será mesmo que os tucanos têm contra os macacos ?

Cavalo,canídeos,tucanos e macacos...vai ver é inveja do rabo alheio, apesar de só um deles ter o bico grande demais. Segue a fábula.


_______________________________________________
obs: A imagem e a legenda é do site AC24HORAS.COM

terça-feira, 21 de fevereiro de 2012

O CARNAVAL ALÉM DO PORRE E DA PÔRRA




Quer ver uma coisa que infla o meu saco escrotal ?

Se você pensou em qualquer coisa ligada ao sexo quase chegou lá. 

O que enche de verdade são os mesmos papos de sempre, contrários ou  a favor do carnaval. A gente viver em país que desconfia de suas próprias qualidades e ver defeito em tudo, significa isto.

Os contrários fundamentalistas imputam ao capeta a invenção do carnaval brasileiro. Ledo engano. O carnaval é invenção meramente humana, que encontrou no país tropical abaixo da linha do equador condições ideais para atingir seu ápice: muito calor, pouca roupa e gente de várias cores querendo se misturar. E o que o proibido sexo humano tem a ver com o diabo ? Alguém já viu o capiroto comendo a mulher do vizinho ? 

Os  contrários acumuladores do capital reclamam o prejuízo na casas dos bilhões durante a quina _ no nordeste chega a uma quinzena _ carnavalesca. Alegam que não há produção e que prejudica a economia nacional. Como assim "é a economia, estúpido ?"  Por acaso venda de água de todo tipo e gosto, alcoólicas ou não, preservativos, fantasias e seus componentes, balas para disfarçar o bafo e aluguel de banheiros químicos não aquecem a economia interna ? Não contabilizo aqui o aumento considerável de produtos para bebês depois de 9 meses. Prejuízos...daria tudo para ver a Rede Globo transmitindo-os diretos dos sambódromos de São Paulo e Rio de Janeiro.

O Brasil é pobre por causa do carnaval ? Verdade. Não à toa que o resto dos países sul-americanos, todos os africanos e outros tantos o extinguiram e chegaram ao topo da economia capitalista. Nos EUA, só mantiveram festas igualmente estúpidas como halloween, paradas cívicas  e animação de torcidas : " me dê um F, me dê um U, me dê um C , me dê um K, o que que dá ?"  Nos países socialistas-totalitários as pessoas abandonaram a imagem do bumbum quase pelado remexendo para ver o discurso de duas horas, 07 dias por semana, durante todo o ano, do seu líder revolucionário do século perdido.

O carnaval aumenta o índice da violência e da contaminação por HIV. Tá bom. O brasileiro é bicho esquisito que só deixa para beber, criar coragem para brigar e dirigir, na época do carnaval. Na outra parte do ano transam usando preservativos e viram cordeirinhos do rebanho do mestre. Enquanto isso no resto do mundo...as pessoas estão trabalhando, adquirindo DST e cometendo todos os tipos de violência contra o próximo. No oriente médio, nesta época, estão jogando bombas nos outros de outras religiões, de outros carnavais com outras fantasias.

E se alguém pudesse proibir o carnaval no Brasil ? Perda de tempo. O povo arranjaria outro jeito de ficar 05 dias sem trabalhar, fazer sexo e beber mesmo que escondido. Aliás, já arranjaram: os retiros e convenções de jovens.

Por certo então sou um defensor do carnaval ? Absolutamente, não.

Como ex-frequentador da festa momesca digo ser ela uma coisa diametralmente inútil a sua inutilidade. Nosso país deveria e deverá ser pior ou melhor independente do carnaval sem importância, tal qual o é todas as festas mundo afora.

Hoje, na minha concepção - o que não é lá grandes coisas _ o carnaval é um período chato, sem filme e futebol na televisão e a atrasar as decisões politiqueiras sem futuro coletivo algum para o país. É o dispensável a atrapalhar o menos importante.

O carnaval é para o povo sofrido extravasar suas emoções. Uma ova ! vê se alguém em sã consciência vai guardar suas emoções de um ano inteiro para gastar em míseros 05 dias pulando tal qual macaco com micose em lugar onde suas patas não podem chegar, como já dizia aquela letra de música sertaneja ...

Afinal o que realmente o carnaval representa para minha pessoa ? Nada, a não ser a ideia chata de pensar que se ele acontecesse assim de tal forma na Europa, nós da classe média brasileira colocaríamos nossos filhos em academias do samba e pagaria ingressos para ver a exibição em teatros, felizes por, enfim, enxergamos o que a civilização tem de bom.

Nós da classe alta, prepotencialmente,  iríamos para o Velho Mundo para ver a originalidade do samba do loirinho esbelto quebrando as nozes.

E nós da classe baixa ? Felizes, desdentados, não alfabetizados, continuaríamos a escolher mal nossos representantes políticos e estes seguindo os intelectualóides libertadores e\ou libertários diriam que nosso povo atrasado e explorado precisaria de pelo menos 05 dias do ano a ficar sem trabalhar, bebendo, pulando e transgredindo as normas, como condição imperiosa de um dia chegarmos ao Primeiro Mundo Capitalista.     "Quiçá um dia todos pudessem sambar na primeira esquina de cada cidade deste país", frase que renderia uma tese de doutorado nesta terra imaginária.

O assunto carnaval é um saco cheio de nenhum argumento válido.
Ocorreu um erro neste gadget

Arquivo do blog