quinta-feira, 5 de julho de 2012

PARA PIAU MESTRE SALES AUMILHOU

Foto : Internet
By  Manuel Piau *

Prezado Jurubeba, saudações Zadiguianas.


Mau grado te escrevinho para dizer que ditado ceareca diz que em gamela de barrão bacurim não se atrepa. Tivesse o deputado federal Gladson Cameli (PP) conhecimento da filosofia da terra de Iracema, jamais teria se fiado na conversa do mestre Sales ( PMDB).

Não se comenta outra coisa nas rodinhas formadas por vários analistas da politicagem espalhados pela terra das ladeiras escrotas.

Com maestria mestre Sales 'aumilou' o guri Cameli, como diz o povo da rica língua mudana. Na 12.ª badalada, o homem do bigodim deu a tacada certeira na nuca e ainda prendeu todo mundo pelo beiço: não havia mais tempo para revanche, a coleita findou, o verão já passou.

E o recado foi dado também para aquela reca de partidozinhos de fundo de quintal que não enche uma bulé de saveiro 91 com um gordão de motorista : já ganhei uma vez sozinho e posso novamente, pendulicários !


Tem tino o alquimista  ? Quer ser urubu cantando só !

Heroicamente os dirigentes dos nanicos resistiram a 'aumilhação' de não poder sequer indicar um vice na chapa majoritária e ainda acreditam piadamente na democracia vagneriana !

Chega a ser comovente o desprendimento desse povo, queria eu ter coração humano para chorar.Tudo pelo  bem maior. Vai que sobra uma vaga de limpador de banheiros lá da câmara municipal. Pode ser um alento, o vitorioso Sales começou assim...
Humildade, humildade, humildade, humildade, humildade...

Cameli pulou da lava incandescente da cortimaça plúmbea vermelha  para fogueira das chamas azuladas. E na fogueira da vaidade está sendo fritado: pode esquecer o sonho de ser o senador dos amores pela oposição estadual em 2014. Ainda bem que tem world cup Brazil, a paisagem estará festiva. 

Sendo que os satanizados estão na outra esquina , os angelicais Petecão, Flaviano Melo e Márcio Bittar têm outras miragens e nelas o caboquim do Juruá não é o protagonista. 

Se quiser que faça o seu caminhar sem rapadura e farinha, a sozinhar.

Ou então que se entenda como o amante a não ser amado, como filosofou o Bittar, não bem assim com essas palavras. Tudo pelo bem maior, não seria  o mal na flora intestinal alheia tão indolor ?

Melhor empreitada fiz eu que me embrenhei nas buchas do filosafar e me afastei ainda que por momento da disputa ferrenha pelo poder poderoso ! Mas ainda vou voltar no menos esperar.

Penso que vai ser a disputa da política da caixinha pronta contra a da só eu te ajudo se tu me ajudar a chegar  lá.

E sendo só que tenho para o momento voltarei ao meu reduto para meu livro de romance terminar de escrevinhar. Fique no aguardo. Até .

Em tempo há : o escriba grão-vizir da capital acabou de descobrir o descoberto já - no terreiro por aqui o  coronel  é o galo usando bigodinho ralo. Pinto no ovo nem xerém tem e se por a cabeça para fora tomará tacada, ficando zonzo que nem galinha à baladeira na cabeça, baleada.

O escriba ou é lento no pensar ou chuva no roçado está a faltar. Êh, verão  !  Setembro, chove ?
______________________________________________________________________________
Manuel Piau * é um alienígena alienado , cientista político, fundador do partido de um homem só, o PAU, que segundo ele por enquanto ainda está enterrado. Onde ? Nos acochegos do perguntador. Ainda bem que não ousei perguntar..

2 comentários:

  1. Eita, quem "aumilhou" foi tu, outra vez... melhor crônica q li até agora sobre o tema ...

    ResponderExcluir
  2. Jairo,
    concordo com o comentário do Leandro.
    Você tem umas sacadas geniais. Vc é genial.
    Por isso que admiro seus textos. Fico até envergonhado diante de meus arremedos.

    Abraços!

    ResponderExcluir

Ocorreu um erro neste gadget

Arquivo do blog